sábado, 26 de junho de 2010

Datas Importantes - 3

A Idade Média, de 476 a 1453 d.C.
1. Grandes mudanças no cristianismo e a civilização ocidental.
A. 330 d.C. a capital do Império Romano foi transferida para o Leste, isto é, Constantinopla.
B. 476 d.C. Roma caiu, e o poder eclesiástico manteve controle sobre o Oeste no meio do isolacionismo feudal. Era o único poder unificador. O Papa assumiu o poder e glória do império, abrindo alas para outros erros, e culminando no "Santo Império Romano."
1. O Papa coroou reis.
2. Iniciou as "Santa Cruzadas" e fez guerra para impor suas leis.
3. Instituiu o sistema universitário para controlar o pensamento e liderança do povo, trazendo a Renascença com seu Humanismo e Escolástica, cheia de filosofia e lógica grega .

C. 493 d.C. Os Ostrogodos conquistaram a Itália; em 527-565, o reino de Justiniano I que livrou Itália dos Ostrogodos e restaurou o poder ao Papa. D. 570 d.C. Nascimento de Maomé; em 632 d.C., sua morte.
E. 668 d.C. Perseguição dos Paulacianos (Paulicianos). Eram anabatistas.
F. 711 d.C. Muçulmanos invadem a Espanha. Em 732 d.C. foram vencidos em Tours, França.
G. 800 d.C., Carlos Magno coroado Rei do Santo Império Romano.
H. 1096 d.C. A primeira cruzada; Em 1099 d.C., Jerusalém conquistada.
I. 1271-1295 d.C. As viagens de Marco Polo.
J. 1309-1377 d.C. O trono papal levado à Avignon, França.
K. 1378-1417 d.C. A cisão papal, com dois Papas rivais ao mesmo tempo.
L. 1453 d.C. Constantinopla cai nas mãos do Império Otomano (Turco).
2. As igrejas verdadeiras neste tempo são:
A. Além dos grupos já mencionados vieram à tona outros, como:
B. Paulicianos. Séculos VII a XVI. Este grupo merece atenção especial. Era a corrente principal dos crentes verdadeiros antes do século VII na região das montanhas "Taurus" em Turquia ou Ásia Menor.
1. Foram perseguidos, e levaram sua fé a muitas outras terras.
2. Havia alguns contatos com os montanistas e novacianos mais cedo.
3. Em 752 d.C., Foram transportados pelo Imperador Constantino V ao lugar chamado hoje de Bulgária e Iugoslávia.
4. No ano 842 d.C., A Imperatriz Grega, Teodora, matou mais de 100.000 de paulicianos!
5. Em 970 d.C., O Imperador João Tzimiske deu-lhes liberdade e eles estabeleceram o estado livre de Teprice em Armênia e deu liberdade religiosa a todos os cidadãos que durou 150 anos. Durante este tempo estes crentes levaram o evangelho a toda parte da Europa oriental!
6. Foram forçados depois a fugir para Síria e Palestina onde foram conhecidos como "Sabians" ou Batistas!
7. No ano 1145 d.C. O rei Henrique II queimou alguns Paulicianos em Inglaterra. (B. Evans, Early English Baptists, I, pp. 10-12).
8. Na conquista latina de Constantinopla em 1204, foram mencionados.
9. Uma colônia de Paulicianos se acharam em Armênia Russa em 1828!
10. Um documento antigo, chamado "Chave da Verdade," foi descoberto em Armênia por F. C. Coneybeare e publicado em 1898 e mostra as doutrinas dos Paulicianos. Eles creram nas doutrinas seguintes:
a. Igualdade de pastores. Falta de hierarquia.
b. Rejeitaram batismo infantil.
c. Batizaram todos os membros que vieram de outras igrejas.
d. Ceia restrita.
e. Membros tinham que ser regenerados.

C. Vaudois, Navarri, Valdes, Valenses, Valdecí. Séculos V a XVI.
1. Vaudois é francês; Valdes, Valenses, e Valdecí italiano; Navarri espanhol. Significa "povo dos vales." 2. Eles eram Valdenses. A constante perseguição pelos governos de Roma e Constantinopla fez com que os vários grupos de crentes verdadeiros fugissem para as montanhas, principalmente dos Alpes. (Por exemplo os piemontês).
3. Não tem sua origem em Peter Waldo, mas ele recebeu este nome deles.
4. Valdenses é o nome genérico, como o nome batista de hoje. Os Valdenses foram divididos em dois tipos: os radicais e os moderados. Também tinha os antigos e os modernos que deixaram a Bíblia e se transformaram em protestantes.


D. Albigenses. Até o século XVI. No sul de França desde o começo, mas usando outros nomes. Tinham relações com os Paulicianos. E. Bogomilos. (Amigos de Deus). Séculos IX-XVI.
1. São Paulicianos que migraram para a Bulgária e Bosnia por causa da perseguição.
2. Espalharam a Palavra no oeste da Europa e sua influência estendia do Mar Atlântico até o Mar Negro.

F. Paterinos. Séculos IX a XIII. Na Itália, especialmente em Milão e Turino. G. Petrobrussianos. No ano 1110 d.C. existiam.
H. Henricianos. No ano 1135 d.C. existiam.
I. Arnaldistas. No ano 1140 d.C. existiam.
J. Irmãos Boêmios.
1. Boêmia, hoje conhecida como Tchecho-eslováquia, fica na Europa leste - central . O cristianismo entrou no tempo de Paulo. Nos anos 711 a 732 d.C. alguns Vaudois fugiram da perseguição na Espanha e França e ficaram nesta região também.
2. Os Bogomilos ou Paulicianos vieram no tempo de Teodoro em 842.d.C. e depois saíram para outros lugares no meio dos Valdenses.
3. Dos séculos XI a XV, os Irmãos Boêmios mantiveram contato e comunhão espiritual com outros grupos, especialmente os Valdenses.

K. "Lolardos." Séculos XIV-XV.
1. Valter Lollard, um "Barb" ou pastor de Valdenses em Holanda, foi à Inglaterra no tempo do Rei Eduardo III, e evangelizou muitos. Um historiador disse: "Mais do que a metade do povo de Inglaterra, em poucos anos, foram lolardos," (Knighton, col. 2662). (Veja outros historiadores ingleses como Walsingham, Historia Anglica, VIII. 213; e Collier, Ecclesiastical History of Great Brittain, III, 213). 2. Suas doutrinas são batistas.
3. Lollard foi queimado em 1320 d.C. Isto aconteceu duzentos anos na Inglaterra, ANTES da reforma protestante.
4. Muitos dos seus discípulos tomaram o nome de Wiclifitas (John Wycliffe, 1319-1384). Não há documento que prova que Wycliffe era batista, mas alguns historiadores crêem que fosse. Era um teólogo influenciado muito pelos Lolardos.
5. Eles prepararam o terreno para a expansão de batistas em Inglaterra.

FONTE: SOLA SCRIPTURA

Nenhum comentário:

Postar um comentário